Boletim CABN abr/2012

Salve companheiros!

O dia do trabalhador se aproxima e é necessário reivindicar a história dessa data para a classe trabalhadora! O 1º de maio deve ser memória de lutas e conquistas passadas e, acima de tudo, data para reavivar a organização dos trabalhadores e a luta de classes, ontem hoje e até a revolução social!

Em Florianópolis, o CABN organiza o evento “1º de Maio: Dia do Trabalho ou Dia do Trabalhador?”, que contará com banca de livros, exposição de materiais, exibição de curtas sobre a luta dos trabalhadores e um debate “Sindicato, Precarização do Trabalho e Conjuntura”.

O espaço está aberto para outras contribuições, como curtas, bancas, exposições, apresentações teatrais e musicais que tragam conteúdo classista e combativo.
http://www.cabn.libertar.org/?p=269

Um panfleto reivindicando a história do 1º de maio foi distribuído pelas ruas do centro de Floripa, convidando para a atividade:
http://www.cabn.libertar.org/?p=293

Em Joinville, o Grupo de Estudos das Ideias e Práticas Anarquistas (GEIPA), com o apoio do CABN, organiza no 1º de maio uma exibição do filme “Pequeno grão de areia”, sobre a luta dos professores no México, seguido de debate.
http://www.cabn.libertar.org/?p=286

Além disso, o CABN publicou saudações aos 10 anos do Coletivo Anarquista Zumbi dos Palmares, de Alagoas, e a fundação do Coletivo Anarquista Núcleo Negro, em Pernambuco, organizações integrantes ou próximas ao FAO – Fórum do Anarquismo Organizado. Disponível em: http://cabn.libertar.org

Avante a luta dos professores e todos os trabalhadores!
Por um 1º de maio classista e combativo!

Saudações libertárias!
Coletivo Anarquista Bandeira Negra
http://cabn.libertar.org

Be the first to start a conversation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *