Boletim CABN set/2012

Salve companheiras e companheiros!

– O jornal Palavras de Luta foi (re)lançado na comemoração do primeiro aniversário do CABN. O informativo passa a ser um novo veículo de propaganda do coletivo, através dele buscamos informar os caminhos das lutas sociais nas cidades onde nossa militância atua e propagandear as produções teóricas em torno do anarquismo. Confira a terceira edição: http://www.cabn.libertar.org/?p=555

– As saudações enviadas por organizações amigas ao 1º ano do CABN também podem ser conferidas aqui: http://www.cabn.libertar.org/?p=576

– Em tempos de eleições, compartilhamos também um texto da Fedaração Anarquista Uruguaia, retirado de uma entrevista de 1999 onde foi perguntado: Por que os anarquistas não votam?
http://www.anarkismo.net/article/23964

– No site da Biblioteca Terra Livre foram disponibilizados alguns números do periódico “A Plebe”, que teve bastante importância na histórica Greve Geral de 1917:
http://bibliotecaterralivre.noblogs.org/biblioteca-virtual/jornais/a-plebe/

– O Núcleo de Pesquisa Marques da Costa, do Rio de Janeiro, também disponibilizou diversos artigos do carpinteiro anarquista, publicados no jornal A Patria:
http://marquesdacosta.wordpress.com/do-punho-de-marques/

– A Federação Anarquista do Rio de Janeiro, que esteve presente no Encontro Anarquista de Saint-Imier, em agosto desse ano, publicou um balanço sobre o evento:
http://anarquismorj.wordpress.com/2012/09/08/balanco-sobre-o-encontro-anarquista-de-saint-imier/

– No dia 25 de setembro, protestos massivos de rua aconteceram na Espanha, onde a população cercou o Congresso. Frente à crise na Europa e as tentativas dos governos de fazer os pobres pagarem por ela, as revoltas estão se materializando nas ruas de diversos países europeus. Segue divulgação da página Anarquistas Ensinam: “Demonstração prática sobre o nome de nossa página. Hoje, em Madrid, Espanha, anarquistas, socialistas e o povo organizado em geral “ensinaram” um caminho para a construção do Poder Popular. Estes são os filhos de 1936! Destaque para a bela cena aos 2:00 minutos.”
http://www.youtube.com/watch?v=YuRHshyT-yA Todo apoio à luta dos trabalhadores e da juventude na Europa!

– Dia 28 desse mês foi o Dia Latinoamericano e Caribenho de Luta pela Descriminalização e Legalização do Aborto.
—No Brasil, uma em cada sete mulheres já fez aborto, muitas vezes em clínicas clandestinas precárias, ou usando métodos perigosos. Mulheres pobres, negras e jovens são as que mais têm morrido por causa da clandestinidade do aborto. Mas mulheres de todas as classes, raças, religiões e escolaridade já abortaram.
—A insegurança do aborto é a quarta causa de morte entre gestantes no Brasil.
(Texto retirado de panfleto distribuído em Florianópolis).
Apoio à luta pelo direito de escolha!

Saudações libertárias!
Coletivo Anarquista Bandeira Negra
http://cabn.libertar.org | ca-bn@riseup.net

Be the first to start a conversation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *