[CAB] Toda solidariedade aos 24 detidos em manifestação contra a privatização da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do estado do Rio de Janeiro

Posted on 28/02/2017 by

0


A CAB, Coordenação Anarquista Brasileira, manifesta aqui toda a solidariedade aos 24 detidos na manifestação de hoje, 20 de fevereiro, contra a privatização da CEDAE, a Companhia Estadual de Águas e Esgotos do estado do Rio de Janeiro. Repudiamos mais esta repressão brutal aos protestos e aos manifestantes por parte do estado e da polícia militar, utilizando balas de plástico duro que causaram perfurações e graves ferimentos em manifestantes.

Cerca de 3 mil manifestantes protestaram hoje na Assembléia Legislativa para deter mais este ataque ao povo, o projeto de lei que permite a privatização da CEDAE. Após a votação o ato seguiu para a cede da CEDAE, na Praça Onze, onde foi violentamente reprimido pela tropa de choque. Um enorme esquema militar foi montado pelo governador Pezão para garantir a suas manobras, com guarda nacional, homens do exército e da tropa de choque. Tendo a votação comandada a toque de caixa por Picciani (PMDB) e toda a corja de políticos em defesa dos interesses do capital, a proposta foi aprovada pelos deputados, o que vai gerar gravíssimas consequências para o povo uma vez que o acesso à água é um serviço básico e essencial. A privatização da CEDAE é uma das condições para o Plano de Recuperação Fiscal, mais um meio imposto pelo governo Temer para fazer com que os pobres paguem pela crise dos ricos.

Basta de criminalização dos protestos!
Toda solidariedade nesse momento!
Punho cerrado ao inimigo! Mão estendida às companheiras e companheiros!
Contra os cortes nos direitos sociais!

Posted in: CAB